CRENÇA E FÉ NÃO SÃO A MESMA COISA, MUDE SUAS CRENÇAS; MUDE SUA VIDA.

Este é um ponto em que a maioria das pessoas não conseguem distinguir; a diferença entre Fé e Crença, associando a ambas como sendo a mesma coisa, porém há uma enorme diferença entre ambas.

A fé move sua vida a crença atrasa!

Parte da confusão se dá quando visto pelo ponto de vista religioso, onde a fé é associa na crença através dogmas, termo de origem grega que significa literalmente “o que se pensa é verdade”, dogmas estes que distinguem as diferentes religiões e mantem seu público fiel.

Visto sob este aspecto equivocado; a “fé” pode ser racional ou cega. A fé cega, como o próprio nome indica, tudo aceita sem verificação, tanto o verdadeiro quanto o falso, e pode, obviamente, a cada passo, chocar-se com a evidência e a razão. Levada ao excesso, produz o fanatismo é a crendice que nada mais é que a crença popular sem nenhum fundamento e que combinados neste erro, cedo ou tarde acaba por desabar, e é neste momento que escutamos a famosa frase, “Perdi a Fé”, quando na verdade você perdeu a crença.

Se uma pessoa acredita, confia ou aposta em algo, mesmo que cegamente, não significa necessariamente que ela tenha fé, mas sim que ela crê.

Crença é tudo aquilo que uma pessoa acredita ser fato e guarda em seu íntimo como sendo a única verdade e que desta forma passa a ditar as regras em sua vida. A crença está presente em todas as religiões e cultos; como regras que devem ser seguidas e respeitadas incondicionalmente,e que concordando você ou não devem ser seguidas, para que não receba algum castigo ou sofra alguma punição, portanto a crença é algo racional, torturante e impositivo, aliena e conduz as pessoas pelo medo ou pela ilusão.

Por outro lado, a fé é irracional, uma virtude, um dom que supera a própria razão, você pode refletir e até ter dúvidas sobre sua crença, mas não sobre a sua fé.

A crença é contemplativa, está associada a um símbolo, imagens, cruz, textos, rituais, dogmas e até mesmo a pessoas; vivas ou mortas, pode levar o ser humano à estagnação, em níveis ilusivos, onde a pessoa fica aguardando providências de Deus ou de um ser supremo, ou se resignar ao sofrimento aceitando ser um castigo necessário.

Por outro lado, a Fé é dinâmica, construída lentamente e de forma consciente pelo Espírito, à medida que este evolui, não se fixa em objetos materiais como cruzes, escapulários, talismãs, amuletos, medalhas, códigos ou regras. A fé é absoluta e incondicional, é impossível, duvidar e ter fé simultaneamente.

De forma prática; se o espírito humano não está sintonizado com a energia criadora ele não tem fé, mesmo que creia, ou seja você pode aceitar que Deus existe temer a Deus, ou qualquer outra força superior, então você crê, mas não quer dizer que você tenha fé.

Diferente do que se prega, e pela crença e não pela fé que surgem discriminações, perseguições, mortes e até guerras.

Sua vida é um reflexo de suas crenças; são as crenças interiores que bloqueiam sua vida, que causam seus medos, norteiam seus valores, colocam a maioria dos obstáculos em seu caminho e lhe causa sofrimento.

Então se você está vivendo um momento em sua vida que não gosta, que não deseja, que lhe traz sofrimento e deseja mudar, o primeiro passo é reavaliar suas crenças, descubra quais delas faz você acreditar, aceitar e se conformar que precisa estar assim, que deve passar por todas estas dificuldades e sofrimentos. Toda a crença pode ser mudada, e quando isto acontece, você enxerga novos rumos, novos caminhos, tornando sua vida mais fácil e prazerosa; está á a chave para iniciar qualquer mudança em sua vida, rompa os preconceitos, mantenha sua fé é mude suas crenças.

 

 “VIVA CADA DIA MELHOR”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *