DIFERENÇA ENTIDADES ESPIRITUAIS, GUIAS E PROTETORES

Hoje vamos tentar esclarecer a confusão que muitos fazem entre entidade espiritual e Guia espiritual e Protetores.

Entidade espiritual é todo e qualquer espírito de alta, média e baixa faixa vibratória, já em ascensão evolutiva, ou não, no Plano Espiritual.

Guias Espirituais por sua vez, são espíritos de luz que nos auxiliam e nos guiam, afastando-nos do mau caminho, em representação ao Orixá de coroa do Médium, pode ser um Caboclo ou um Preto Velho por exemplo.

Protetor é um espírito que já passou pela vida terrena busca obter mais luz, através do auxílio espiritual, fazendo sempre o bem e promovendo a paz entre os humanos que ainda vivem no plano material, pode ser um Exu ou Pomba-Gira.

Já espíritos sem ou de pouca luz, desencarnados são chamados de Egum.

Há ainda os espíritos conhecidos como zombeteiros ou kiumbas, espíritos estes de baixas faixas vibracionais, cujo único intuito e conturbar e prejudicar os trabalhos, através de dissimulações e do comportamento hostil efetuam trabalhos de magia negra e voltados para prejudicar o ser humano, se aproveitando dos vícios e desejos negativos dos humanos, estes espíritos fazem qualquer tipo de trabalho negativo para receber algo em troca, se apresentam de forma dissimulada, se intitulando Exus, Pombas Giras e em alguns casos como Preto velhos ou Baianos, para literalmente enganar e vampirizar as pessoas que a eles recorrem na busca de obter a realização de seus desejos carnais, principalmente os materiais e amorosos, sugando sua energia e causando todo o tipo de problemas.

Observem que há uma grande diferença entre Guias e Protetores, com relação aos espíritos de baixa faixa vibracional. Tanto os Guias de Umbanda quanto os Protetores, trabalham sempre para o desenvolvimento espiritual do ser humano, para sua evolução e para causas benéficas, auxiliando na abertura de nossos caminhos sem nunca interferir na vontade ou prejudicar a outro ser humano, sem pedir qualquer pagamento em troca, trabalham sempre para o bem e seu único desejo é evoluir, sejam eles Pretos Velhos, Caboclos, Baianos, Crianças, Exus ou Pomba Giras.

Já os espíritos de baixa faixa vibracional, aceitam fazer qualquer tipo de trabalho, sempre para prejudicar ou subjugar o ser humano, independente das consequências e interferindo na primeira Lei do Universo, o Livre Arbítrio, exigem sempre algo em troca para fazer este tipo de trabalho e não se importam a quem prejudicam, são espíritos negativos que cobram por seus “trabalhos” e quem a eles recorrem acabam sempre por sofrer todos os tipos de dessabores e cedo ou trade tendo que arcar com as consequências dos trabalhos negativos, deles solicitados. São estas entidades que fazem trabalhos de magia negra, amarrações, fechamento de caminhos e qualquer outro tipo de trabalho negativo e prejudicial, que vão contra as Leis do Universo e de Umbanda e aos quais jamais devemos recorrer.

“VIVA CADA DIA MELHOR”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *